A causa da fissura labiopalatina está ganhando mais adeptos. Agora, a Smile Train conta com novos parceiros para fazer com que a conscientização vá longe. São formadores de opinião, empresas e projetos que, através de ações e divulgação, nos ajudarão a levar mais suporte e alegria aos pacientes atendidos em nossos centros parceiros.

Micaela Goes levou o Brasil a se preocupar mais com organização através de seu programa Santa Ajuda, exibido no canal GNT. Nos eventos de lançamento do seu livro, que leva o mesmo nome do programa, Micaela anunciou a parceria e destinou a arrecadação de um evento fechado para o Coral Smile Train. A parceria com a apresentadora tem levado a conscientização da causa a novos grupos. “Ser parceira da Smile Train significa, para mim, ajudar a colocar luz e foco numa questão que estava no escuro. É preciso falar, divulgar as conquistas para conseguirmos mais apoio para novas cirurgias e reduzir o preconceito”, conta Micaela.

fotos-09

 

Outra alegria para a Smile Train foi firmar parceria com a escritora Raquel Alves, presidente do Instituto Rubem Alves. Raquel, filha do educador e escritor Rubem Alves, nasceu com fissura labiopalatina e realizou seu tratamento no Centrinho, em Bauru. Durante sua infância, seu pai escreveu lindas histórias que levaram mais leveza para sua rotina de atendimentos médico-cirúrgicos e de superação da fissura, entre elas, Como nasceu a alegria, que fala de uma flor com pétala partida que se sentia diferente.

Para Raquel Alves, a fissura deve ser vista com naturalidade. “Se uma história fosse uma entidade viva e pudesse ter um sonho, acredito que o sonho dela seria poder se materializar de alguma forma. Na parceria entre o Instituto Rubem Alves e a Smile Train, histórias infantis podem ganhar vida, unidas à história de vida de Raquel Alves, levando beleza e leveza ao coração de muitos pais e pacientes, no desejo que o lábio leporino se torne apenas um detalhe no meio de toda amplitude humana”, acrescenta a escritora.

Raquel fará palestras sobre o tema nos parceiros e eventos da Smile Train. A primeira será no Centrinho, em outubro, durante a 3ª Campanha Nacional de Fissura Labiopalatina. Além da palestra, a história “Como nasceu a alegria” será ilustrada por Jason Hulfish na sala de atendimento do hospital de Bauru e 1.000 exemplares do livro serão distribuídos gratuitamente para crianças atendidas nos parceiros da Smile Train.

fotos-08

 

Para intensificar e realizar mais cirurgias de fissura labiopalatina, a Smile Train conquistou um parceiro de peso: a ABPS-Inovare, Associação Brasileira de Projetos Sociais, vinculada ao Rotary Distrito 4610. A instituição promoverá o projeto SORRINDO SEMPRE, escolhido dentro de todos os clubes rotarianos brasileiros como o projeto do ano. Este projeto será divulgado em todos os clubes para arrecadação de verbas para as cirurgias da Smile Train no Brasil.

Interessada pelo bem-estar integral de seus pacientes, a Smile Train está sempre em busca de ações que ajudem as crianças a superarem as marcas psicológicas causadas pela fissura. Assim surgiu a parceria com o Bonecas de Propósito, grupo produtivo que confecciona e doa bonecas terapêuticas para crianças que estejam em tratamento. Capitaneados por Fernanda Candeias e Cristiano Goldenberg, voluntários montam as bonecas com fissura labiopalatina que são doadas para a Smile Train enviar aos centros parceiros e realizarem a entrega aos pacientes através da psicóloga ou fonoaudióloga.

fotos-02

 

As primeiras bonecas entregues deixaram todas as equipes envolvidas – centro parceiro, Smile Train e Bonecas de Propósito – muito felizes com o resultado. Uma delas foi doada à Sofí de Souza Ribeiro, paciente do FundeF em Lajeado, Rio Grande do Sul. Segundo relato dos pais à psicóloga, a menina, de 4 anos vem enfrentando algumas dificuldades de adaptação social, principalmente na escola. Sofí se identificou imediatamente, pois a fenda da boneca é no mesmo lado que a dela.

A equipe do FundeF acredita que a boneca é um elemento muito importante na relação de Sofí com a cicatriz, pois, além de despertar a identificação dela com a boneca que também traz consigo a marca deixada pela fissura, fortalece o vínculo da pequena paciente e sua família com a instituição.

fotos-03

 

Quer ajudar um dos projetos da Smile Train? Doe agora e transforme para sempre a vida de uma criança com fissura labiopalatina:

Associação Smile Train Brasil

Citibank

Ag 001

C/C 40993604

CNPJ 22.827.914/0001-63

Posted in Notícias |

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *